Aeroporto de Salvador começa implantação de tecnologia para reconhecimento facial

O Aeroporto de Salvador começa a implantar o projeto-piloto Embarque +Seguro, iniciativa do governo federal de embarque aéreo com uso de reconhecimento facial. O objetivo é tornar mais eficiente o processo de embarque nos aeroportos e mais seguras as viagens aéreas.

Com tecnologia da a Gunnebo – que já implantou o sistema de portão automatizado para o controle de fronteira e áreas de imigração – a solução de reconhecimento facial deve ser implementada nas duas entradas do aeroporto. Tratam-se de máquinas de biometria facial, sem que documentos sejam trocados manualmente. Esse sistema é denominado Self Boarding Gate (SBG) e, segundo a desenvolvedora, permite o reconhecimento biométrico do passageiro no momento do embarque. “Com a nossa tecnologia, o procedimento será 100% automatizado, sem qualquer intervenção humana. A autenticação, por sua vez, é realizada pela base do Serpro, que valida ou não os dados do passageiro”, diz Marcelo Andrade, gerente de Desenvolvimento de Produtos da Gunnebo. “Além do fim da preocupação sanitária que vivemos com o coronavírus, a biometria facial traz mais agilidade e segurança às operações, oferecendo ainda toda a rastreabilidade do passageiro”, completa.

O reconhecimento facial deverá ser instalado nos principais aeroportos do país, como Brasília e Galeão. O projeto é idealizado pelo Ministério da Infraestrutura, através da Secretaria de Aviação Civil (SAC), em parceria com o Serpro, empresa de inteligência em TI do governo federal.

Hoje, as verificações nos aeroportos são feitas basicamente em duas etapas. Uma, para entrar na área de embarque, em que o passageiro sai com seu cartão, informa o voo e passa pelas máquinas de raio-x. Depois, para entrar na aeronave, um funcionário da empresa aérea verifica o bilhete no portão de embarque e confere o documento de identidade do passageiro.

No Embarque +Seguro as duas entradas serão usadas por máquinas de biometria facial, sem que documentos sejam trocados manualmente.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *