Brasil totaliza mais de 20 projetos metroferroviários ativos

Da Redação – 03.11.2015 – 

Iniciativas vão reduzir problemas de mobilidade urbana e estão entre os assunto da NT Expo, que começa hoje em São Paulo e reúne ecossistema dessa indústria.

A décima oitava edição do evento quer superar os mais de 9 profissionais que visitaram a feira no ano passado. Segundo a organização, trata-se do único evento da América do Sul focado em equipamentos, infraestrutura, serviços e manutenção ferroviária. Entre os destaques está a apresentação de mais de 20 projetos atuais no Brasil, listados pela ANPTrilhos, entidade que envolve os transportadores do modal metroferroviário.

Segundo a associação, o transporte desse tipo pode resolver o gargalo de trânsito nas regiões metropolitanas, onde o tempo médio gasto é de 82 minutos, segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV). A ANPTrilhos lista mais de 20 projetos voltados ao setor, que estão divididos entre implantação de novos sistemas, ampliação e modernização das linhas existentes e ampliação da frota.

No Rio de Janeiro, por exemplo, o governo estadual foca na renovação de quatro linhas do sistema de trens urbanos, além de ampliar e modernizar a infraestrutura de metrô e construir as linhas 3 e 4, coincidindo com a demanda das Olimpíadas de 2016. Outra iniciativa envolve a integração de seis linhas de VLT ao projeto do Porto Maravilha, que junta a melhoria da infraestrutura de transporte com a revitalização da área central da cidade.

Em São Paulo serão entregues duas novas estações da Linha 4-Amarela e as obras de modernização das linhas da CPTM devem ser concluídas, segundo a ANPTrilhos. Na Baixada Santista, o VLT já está sendo testado em São Vicente. Também estão em construção os monotrilhos das linhas 15-Prata e 17-Ouro e a expansão da Linha 5-Lilás, segundo a associação. No Nordeste, o Metrô Bahia deve entregar ainda este ano o primeiro trecho da Linha 2, que vai da estação acesso Norte à estação Rodoviária, com 2,2 km. O segundo trecho desta linha deve ser entregue em 2016, com quatro novas estações, somando mais 6,5 km de vias.

A superintendente da ANPTrilhos também informou que a CBTU está fazendo obras de melhorias em seus sistemas de João Pessoa (PB), Maceió (AL), Natal (RN) e Recife (PE), com conclusões previstas até o ano que vem. O governo do Ceará está com obras em andamento em Fortaleza, com ampliação de linhas e a construção do VLT. Além disso, ainda estão em andamento as construções dos VLTs de Cuiabá (MT) e Goiânia (GO). Espera-se ainda a licitação para a expansão do metrô de Brasília e conclusão de três estações; o trem Brasília-Luziânia; e os trens regionais de São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *