Braskem fecha acordo com Casa dos Ventos para construção de parque eólico

Redação – 26.01.2021 –

A Braskem contratou aquisição de energia eólica da Casa dos Ventos diante da construção de um novo parque eólico que deve prover fornecimento de energia à indústria petroquímica por 20 anos. A contratação é por contrato corporativo de energia elétrica (PPA) e a Casa dos Ventos será responsável por direcionar o investimento na implementação do parque eólico.

“Este é nosso quarto contrato para aquisição de energia renovável de longo prazo, sendo o maior em volume adquirido até o momento. A partir dele, contribuiremos para a construção de mais um parque de geração de energia e fortalecemos a estratégia de termos uma matriz energética cada vez mais renovável em nossa operação e na operação da cadeia petroquímica, reafirmando o nosso compromisso com o desenvolvimento sustentável. Estamos empenhados em nos tornamos uma empresa carbono neutro até 2050, com a meta de reduzir em 15% nossas emissões até 2030”, diz Gustavo Checcucci, diretor de energia da Braskem.

Além da compra de energia, a Braskem terá a opção de adquirir, condicionada à aprovação das instancias de governança competentes, uma participação acionária nos parques eólicos, possibilitando o regime de autoprodução. “Desenvolvemos um modelo sob medida, no qual somos responsáveis pela construção e operação dos parques eólicos, mas deixamos aberta a possibilidade de que nossos parceiros possam se tornar acionistas desses empreendimentos, no futuro. É um modelo que gera benefícios para todos, principalmente para o país, ao incentivar um modelo de transição energética para grandes consumidores”, explica Lucas Araripe, diretor de novos negócios da Casa dos Ventos.

Em 2020, a Braskem anunciou outros dois importantes contratos para aquisição de energia renovável. O primeiro acordo, divulgado em março, com a multinacional francesa Voltalia , viabilizará a expansão do complexo solar Serra do Mel, no Rio Grande do Norte, com capacidade de gerar 270 MW. O segundo, anunciado em junho, é uma parceria com Canadian Solar e viabiliza a construção de uma usina solar no Norte de Minas Gerais, com capacidade instalada de 152 MWp, o suficiente para abastecer uma cidade de 430 mil habitantes.

No final de 2018, a companhia havia assinado contrato com a EDF Renewable para compra de energia eólica, também por um período de duas décadas. Por meio dos quatro acordos, com Casa dos Ventos, Voltalia, Canadian e EDF Renewable, a Braskem estima evitar a emissão de cerca de 1,5 milhão de toneladas de CO2.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *