Cabo óptico liga Fortaleza à África

Da Redação – 13.09.2018 –

Projeto envolve operadoras chinesa e de Camarões. Infraestrutura tem vida estimada em 25 anos

13

O cabo óptico submarino que une a capital do Ceará à cidade de Kribi, nos Camarões, foi oficialmente concluído. O projeto é uma iniciativa do consórcio South Atlantic Inter Link (Sail), envolvendo a China Unicom do Brasil e a Camtel, operadora estatal do país africano. Desenvolvido pela Huawei, o cabo usa tecnologia de transmissão 100G, com uma configuração de quatro pares de fibra para alcançar até 32 Tbps.

Na avaliação do consórcio, a África e a América Latina estão se tornando mercados emergentes estratégicos para a indústria global de telecomunicações e o Sail garante o atendimento às demandas de tráfego dos dois mercados e promove a abertura de novos caminhos de roteamento entre África, Europa, América do Norte e do Sul. “Com o SAIL, os países destas regiões, em especial os do hemisfério sul, estarão mais conectados e em uma posição mais favorável para o desenvolvimento de suas economias digitais”, explicam as duas empresas em comunicado oficial.

O histórico das operadoras é diferenciado. No caso da Camtel, a empresa construiu e gerencia a rede de backbone de transmissão de fibra, rede fixa e uma rede CDMA a nível nacional. A rede nacional de fibra de backbone da CAMTEL interliga países vizinhos como Nigéria, República Centro-Africana e Chade e agora se tornou uma rede de fibra regional. A ideia da empresa é desenvolver um hub de tráfego internacional na África – centralizado em Camarões – por meio de cabos terrestres e submarinos internacionais.

Já a China Unicom é uma das líderes do setor no país asiático e atua em várias áreas, incluindo  banda larga móvel e fixa, comunicações de dados e outros valores relacionados de serviços adicionados. Até o final de julho de 2018, o total de assinantes da China Unicom para os negócios de banda larga móvel, de linha fixa e acesso local atingiu 441 milhões.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *