Chineses podem comprar um quarto da CPFL Energia

Da redação – 05.07.2016 – 

State Grid, maior empresa de transmissão e distribuição de energia do mundo, negocia a compra da participação da Camargo Corrêa na CPFL, transação estimada em R$ 5,8 bilhões

A Camargo Corrêa SA (CCSA) deve vender a participação total que detém na CPFL Energia, ou seja, 23% das ações da companhia sediada em Campinas (SP). O comprador potencial é a chinesa State Grid, considerada a maior em transmissão e distribuição de energia no mundo. O valor da negociação chegaria a R$ 4,8 bilhões, segundo reportagem de hoje do jornal campineiro Correio Popular. De acordo com a repórter Maria Teresa Costa, o histórico de negociação é antigo – tem pelo menos quatro anos – e faz parte da estratégia de reforço de caixa da CCSA, iniciativa para contrabalançar os efeitos da operação Lava Jato, da qual a companhia é um dos alvos.

Em nota oficial aos acionistas, publicada ontem, a CPFL Energia confirmaState grid a negociação e adianta que a fase atual envolve a due dilligence a ser feita pela potencial compradora e ainda as aprovações do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), da parte brasileira. As autoridades chinesas também deverão ser consultadas sobre a negociação.

Com presença no Brasil desde 2010, a State Grid começou suas operações locais (a primeira fora dos países não-asiáticos) com a compra de sete companhias nacionais de transmissão de energia, totalizando US$ 989 milhões. Segundo a empresa, ela deteria quase seis mil quilômetros de linhas de transmissão operados e 14 subestações, ou seja, a quinta maior infraestrutura desse tipo do país.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *