Investidora canadense oferece R$ 800 milhões de empréstimo à OAS

A transação ainda depende de decisão da Justiça brasileira, devido ao processo de recuperação judicial.

Da Redação 06.05.2015

A OAS anunciou que a Brookfield Infrastructure, gestora de ativos canadense, ofereceu um empréstimo de R$ 800 milhões na forma de linha de crédito debtor-in-possession (DIP). A proposta surgiu após uma rodada de negociações iniciadas em março e requer aprovação da Justiça brasileira no âmbito da recuperação judicial e alcance de certas condições para ser fechada.

“Como o negócio de Engenharia demanda significativa liquidez, durante o processo de recuperação judicial – e antes da realização de qualquer alienação de ativo- a OAS testou o interesse por um financiamento garantido por sua participação na Invepar (empresa de infraestrutura que opera, entre outras iniciativas, o aeroporto de Guarulhos e o metrô do Rio) com mais de 40 potenciais credores e, depois de avaliar as propostas recebidas, considerou a da Brookfield a mais adequada para este momento”, afirmou Diego Barreto, diretor de Desenvolvimento Corporativo da OAS.

OAS pede recuperação judicial e coloca ativos à venda

Segundo a empresa, a necessidade de liquidez é temporária, com o capital de giro consumindo caixa no primeiro semestre e a geração de caixa concentrada no segundo semestre. “Se a operação tiver aprovação da Justiça, o valor disponibilizado pela Brookfield vai contribuir para manter as operações da Construtora OAS em andamento normal e assegurar os mais de 100 mil empregos gerados, enquanto o processo de Recuperação Judicial prossegue”, explicou o executivo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *