Locadora Ouro Verde compra R$ 100 milhões em equipamentos no mês e prevê crescimento de 10 a 15% no ano

Rodrigo Conceição Santos – 30.06.2020 –

Investimento é o maior já aplicado pela companhia em um único mês e demonstra a boa perspectiva do ano para o setor de máquinas da linha amarela de construção.

A locadora Ouro Verde, após ser adquirida pelo Grupo Brookfield no ano passado, programava grandes aportes para o incremento da sua frota, de até então 8 mil equipamentos de construção. Com a pandemia, os planos foram revistos, mas hoje, pouco mais de três meses à frente, o cenário se mostra novamente positivo, como relatou Marluz Renato Cariani, head comercial da empresa para a área de equipamentos.

O executivo participou de um evento online organizado pela Sobratema e Analoc na semana passada, onde revelou que a expectativa em janeiro deste ano era de ampliar em 25% a frota de locação da empresa. “Em março, no primeiro momento da pandemia, veio o desespero, com os clientes ‘tirando o pé’ das negociações que já estavam perto de fechamento. Pouco depois, fizemos uma nova revisão de orçamento, já contemplando que poderíamos ao menos manter os volumes de negócios de 2019, que foi um ano bom”, explica.

Hoje (final de junho) a expectativa é ainda melhor e o executivo estima crescimento de 10 a 15% sobre o volume de negócios do ano passado. “O número de propostas aumentou em mais de 30% nos últimos dias e, como resposta, bateremos o recorde de compras de equipamentos neste mês, quando estamos investindo mais de R$ 100 milhões”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *