Mills conclui compra da Solaris

Redação – 15.05.2019 –

Nova operação tem frota de 9 mil equipamentos e 28% do market share do segmento de locação.

A Mills anunciou ontem a compra de 100% da Solaris. A transação foi feita com a emissão de 76 milhões de novas ações da compradora na Bolsa de Valores de São Paulo e a nova empresa tem nome transitório de Mills Solaris. No fechamento desta edição, cada ação da Mills custava cerca de R$ 4,70.

As duas empresas eram as principais locadoras de plataformas aéreas de trabalho no Brasil. Agora, a operação conjunta figura no quadro mundial desse tipo de serviço, ocupando a 24ª colocação no ranking com uma frota de 9 mil equipamentos.

“A aquisição decorreu dos anos de austeridade, muito em função da crise que afetou o mercado de construção no Brasil”, diz o comunicado da empresa. Por isso, a agora Mills Solaris, que já nasce com 6,7 mil clientes em carteira, pretende diminuir a dependência do setor de construção, que deve ocupar não mais de 30% da frota locada.

“Estamos realizando a junção das duas maiores empresas do segmento de locação de equipamentos para trabalhos aéreos no Brasil. É a combinação das melhores práticas e equipes e não tínhamos como estar mais felizes com essa concretização”, diz Sérgio Kariya, CEO da Mills Solaris. O executivo mantém o posto de CEO, que já ocupava na Mills.

A nova companhia diz obter 28% de market share no segmento e adota o slogan “Mills Solaris, unindo forças para ir mais longe”. Ela passará por um ciclo de integração de aproximadamente dois anos, período no qual deve juntar processos, equipes e fazer sinergias para a operação que chega a 32 endereços, em 18 estados brasileiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *