Minha Casa, Minha Vida preocupa Setor imobiliário em 2019

Redação – 26.02.2019 – 

Apesar do crescimento de 19,2% na venda de imóveis no ano passado, peso do MCMV é considerável

O setor imobiliário negociou 120.142 unidades em 2018, um crescimento de 19,2% em relação ao ano anterior. Apesar disso, a queda de mais de 80% nas contratações do Minha Casa Minha Vida (MCMV) preocupa o setor. Os dados são do estudo Indicadores Imobiliários Nacionais, divulgado nesta segunda-feira (25), em São Paulo. A pesquisa é coordenada pela Câmara Brasileira da Indústria da Construção (CBIC) e, segundo o presidente da entidade – José Carlos Martins – o ultimo trimestre do ano passado foi o melhor da série histórica.

O levantamento é realizado em 80 municípios do país, que representam um terço da população e 41% do PIB nacional, com as principais cidades brasileiras e suas regiões metropolitanas. De acordo com o estudo, os lançamentos no último trimestre do ano apresentaram um aumento de 45,1% em relação ao trimestre anterior, no entanto houve uma queda de 9,0% em relação ao mesmo trimestre de 2017. As vendas cresceram 23,3% em relação ao trimestre anterior, e tiveram um aumento de 4,4% em relação ao mesmo trimestre de 2017.

Diante dos dados, Martins enfatizou o seu otimismo com relação ao mercado imobiliário. “Em 2018 os financiamentos com a poupança subiram 33% e os financiamento com FGTS cresceram 10%. São números que nos permitem inferir um crescimento muito bom, mas para voltarmos a índices de 2014 ainda é necessário que o país crie uma série de situações para destravar o investimento, principalmente na parte de concessão de crédito para as empresas menores, que ficaram muito fragilizadas com esse período de crise”, pontuou o presidente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *