Qual o papel do integrador como agente consultivo na transformação digital?

Sylvio Herbst – 21.o5.2021 – A maturidade digital é ponto mais tocante hoje nas empresas. Fatores como a pandemia da Covid-19, economia, investimentos e inovação aceleraram ou barraram estratégias, porém é fato que a Transformação Digital se tornou assunto obrigatório na pauta dos CEOs.

Normalmente, momentos de crises aceleram mudanças e com a Covid-19 não foi diferente. Os segmentos de compras online, educação à distância e investimentos em saúde pública são os setores que mais impulsionaram a transformação digital de forma quase avassaladora, tanto pela necessidade, quanto para sobrevivência das empresas e negócios. A explosão informacional e o movimento da hiperconectividade e a hiperdigitalização que já estavam em curso, e em menos de um ano, tomaram fôlego e aceleram seus processos.

Diante desse cenário, as empresas apresentam diferentes estágios de maturidade digital. Enquanto umas já utilizam analytics e big data em patamares distintos, outras nem sequer começaram a desenvolver um plano de nuvem e mobilidade. E contar com o apoio de um parceiro que não apenas venda, mas oriente e determine necessidades de acordo com o momento de cada negócio, pode ser uma alternativa bastante assertiva no momento atual. Por isso, entre outros fatores, percorrer este caminho com um apoio que forneça e auxilie na adoção de novas tecnologias de forma segura e com a mira em resultados a curto e médio prazo é um verdadeiro pote de ouro.

O integrador de tecnologia desempenha um papel fundamental na transformação digital e sobe um degrau na escala consultiva e estratégica, principalmente na implementação de tecnologias inovadoras como cloud, big data, analytics, ecommerce, entre outras.

A visão integrada do integrador lança sob as plataformas uma estratégia com foco em resultados, tão necessária no momento atual. Entenda, não quero dizer que de imediato você vai vender muito, mas com certeza entrará em plano de vôo com muito mais chances de alcançar velocidade de cruzeiro.

Outro ganho exponencial que o integrador oferece aos clientes, é a redução de custos operacionais, eficiência de processos, muito mais sinergia entre áreas impactando diretamente na customer experience, entre outros fatores, que contribuem para desafogar o peso nas costas dos CTOs, como por exemplo, independente do objetivo, pode ser desde a implementação de um plano de atualização até inovação ou redesenho estratégico.

Independente do porte da empresa ou vertical de negócios, conceitos como ERP, CRM, Data Center, internet das coisas, mobilidade, cloud, analytics são necessárias e já fazem parte da realidade de muitos negócios. etc. Aliar a competência de diferentes funcionalidades ao entendimento das estratégias das empresas, são características determinantes do integrador, que foca seus objetivos no apoio as companhias em suas jornadas, favorecendo um cenário próspero para que atinjam patamares elevados de eficiência e, mais do que isso, que possam desenhar novos modelos de negócio.

Sylvio Luiz Herbst, formado em engenharia de telecomunicações e pós-graduado em marketing, co-fundador e diretor comercial e marketing há 16 anos está à frente do comando da 5F Soluções.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *