Robôs de construção são reforçados como alternativa nos EUA

Redação – 31.03.2020 –

Uma ação de desenvolvimento conjunta entre a JLG e a norte-americana Construction Robotics busca desenvolver equipamentos autônomos para atividades repetitivas na construção civil, como as realizadas com o uso de plataformas elevatórias. A solução foi lançada durante a ConExpo deste ano, no início do mês, e se apresenta como uma das forma inovadoras de manter trabalhos em execução mesmo sem a presença física de seres humanos.

A Construction Robotics é uma desenvolvedora de máquinas para alvenaria, como o ampliador de elevação de unidades de materiais (Material Unit Lift Enhancer – MULE), usado para elevar e posicionar blocos de concreto, e o Pedreiro semiautomatizado (Semi-Automated Mason – SAM), usado para assentar tijolos. A ação é para levar conceitos como esses aos equipamentos da JLG, especializados em elevar pessoas com maior seguranças para pontos de trabalhos em altura. “A JLG e a Construction Robotics estão utilizando os pontos fortes de cada empresa para colaborar em soluções de robótica progressivas que desenvolverão a segurança e a produtividade nos locais de trabalho do amanhã”, diz Frank Nerenhausen, presidente da JLG Industries.

O primeiro produto foi o novo MZ100, desenvolvido pela parceria. Esse equipamento é uma versão menor e mais leve do MULE original, é autonivelado, alimentado por uma bateria de íons de lítio e pode ser acoplado diretamente a manipuladores telescópicos da JLG e SkyTrak, transformando-o de uma solução estática no local de trabalho para uma móvel.

“Um dos pontos focais da inovação da JLG é robótica e autonomia”, disse Rob Messina, desenvolvimento de produtos da JLG Industries. “Estamos concentrados em desenvolver soluções que tratem dos desafios que nossos clientes enfrentam diariamente no local de trabalho, incluindo a carência de mão de obra capacitada. Soluções como o MZ100 estão alinhadas com o imperativo de produtividade, suplementam a força de trabalho e reduzem os ferimentos por meio de momentos de autonomia, para melhorar a eficiência.”

“Iniciativas de colaboração, como esta com a JLG, resultam em tecnologias inteligentes de auxílio de elevação habilitadas digitalmente, que preparam o caminho para o local de trabalho do futuro”, afirmou Scott Peters, cofundador e presidente da Construction Robotics. “Estamos empolgados com o lançamento do MZ100 e por aprendermos como os clientes da JLG responderão ao seu uso na linha popular de manipuladores telescópicos da empresa.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *