Setor de transportes cresce 4,6% em maio

Redação – 20.07.2020 –

Após queda recorde, de 17,8% em abril, o setor brasileiro de transportes, serviços auxiliares e correio registrou crescimento de 4,6% em maio. A relação é com o mês anterior. Na comparação com maio de 2019, porém, houve queda de 20,8% no volume de serviços de transporte prestados. Os números estão no boletim Economia em Foco, da Confederação Nacional do Transporte (CNT), divulgado na semana passada e com dados da Pesquisa Mensal de Serviços, do IBGE.

Segundo a CNT,  o transporte aéreo teve alta de 9,2% em maio, na comparação com abril. Em relação ao mesmo mês do ano passado, o setor aéreo apresentou retração acima de 75%.

Já o transporte terrestre cresceu 6,6% em maio de 2020. Na comparação com maio de 2019, houve redução acima de 24%.

O volume de cargas transportadas nas ferrovias, em maio de 2020, foi 4,6% maior do que o de abril de 2020, considerando toneladas úteis (TU), e 2,8% maior, considerando toneladas por quilômetro útil (TKU). Se comparado com o mesmo período de 2019, houve queda de 5,2%, considerando TU, e de 5,1%, considerando TKU. O transporte aquaviário apresentou queda de 1,7% em maio de 2020 na comparação com o mês imediatamente anterior e aumento de 10,6% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

“Maio nos deu a sensação de que iniciamos um processo lento de saída da crise em alguns segmentos do transporte. Mas os números mostram ainda que estamos distantes do nosso desempenho potencial”, diz Vander Costa, presidente da CNT.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *