Subestação de energia abastecerá fábrica de remédios

Redação – 11.03.2019 –

A indústria farmacêutica ABL construiu uma subestação transformadora de energia de 138 kV, aumentando a capacidade própria de geração de 2650 kW para 4450 kW. O projeto atende a elevação de demanda da energia contratada do parque fabril, em Cosmópolis (SP), que teve suas instalações ampliadas em 11 mil m². isso corresponde a 25% de incremento na área construída nessa unidade, destinada à fabricação e armazenagem de medicamentos para o Brasil e exterior.

O investimento na subestação e em uma linha de transmissão com circuito duplo em 138 kV foi de R$ 20 milhões. “A linha de transmissão tem 5 km de extensão, dividido em 19 torres, e interliga a rede da CPFL com a subestação transformadora de 138 kV (alta tensão) que faz a mudança para média tensão (11,4 kV), a qual é transformada em baixa tensão internamente na fábrica”, diz Antonio Quaglio, engenheiro da IBS Energy, empresa responsável pela execução do projeto. “O investimento foi necessário porque a rede de média tensão da CPFL não comportaria a nova demanda solicitada pelo empreendimento”, salienta.

Segundo o engenheiro, o transformador utilizado na subestação tem capacidade para atender o dobro da demanda atual. Adicionalmente, o projeto permite, em caso de necessidade, rever a instalação de um segundo transformador da mesma potência, o que dá segurança para a empresa realizar novas ampliações.

A subestação da ABL traz também um alívio de carga para a rede de média tensão da CPFL, ampliando sua capacidade de fornecimento de energia a novos entrantes, na referida classe de tensão. A linha de cinco quilômetros de 138 kV poderá alimentar outras empresas que precisarem de energia nessa classe de tensão, abrindo caminho para a instalação e ampliação de novos negócios na região.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *