Alemanha terá o maior posto mundial para carros elétricos

Da Redação, com dados do DW – 06.11.2017 –

Com capacidade para carregar 4 mil veículos por dia, processo poderá ser feito em 10 minutos e pré-programado via aplicativo

O Parque da Inovação de Zusmarshausen, cidade onde o projeto será ativado, vai usar fontes renováveis para ativar seus carregadores. Os mais potentes terão capacidade de até 350 kilowatts (kW) e devem realizar o processo de carga das bateria em cerca de 10 minutos. A informação é da Sortimo, empresa dona do projeto e que também estima a ativação do posto em 2018. Dos 144 carregadores do parque, 24 serão “supercarregadores”, ou seja, com carga rápida. As estações de carregamento serão destravadas por meio de um aplicativo, com o qual o usuário pode se registrar, escolher o tipo de carregamento e definir em que horário voltará para pegar o carro.

No aspecto sustentável, a iniciativa deve evitar que cerca de 60 mil toneladas de gás carbônico sejam emitidas por ano. Mais do que isso, a instalação vai ser construída em Zusmarshausen, cidade do estado da Baviera que é cruzada pela rodovia A8. A rodovia separa as dependências da Mercedes e Porsche da Audi e da BMW e é usada por diversas montadoras para fazer testes de veículos. Ou seja, em termos de marketing, a instalação vai estar no centro de atenção das companhias que ainda estão focadas na era dos combustíveis fósseis.

De acordo com a Sortimo, a estação de carregamento tem um conceito futurístico e vai permitir que clientes usem um aplicativo em seus smartphones para programarem o carregamento de seus carros enquanto descansam, fazem compras, almoçam ou trabalham dentro do próprio posto. A construção também ajudaria a superar um dos principais obstáculos à adoção dos veículos elétricos: a autonomia limitada da bateria, e vem em momento político mais favorável aos veículos elétricos no país, que discute, ainda que em fase inicial, a possibilidade de banir a venda de modelos a gasolina ou diesel a partir de 2030.

O Ministério Federal dos Transportes e Infraestrutura Digital da Alemanha também disponibilizou 300 milhões de euros para a construção de uma infraestrutura de carregamento no país no período de 2017 a 2020. Essa linha de financiamento será usada em partes pelo projeto da Sortimo, que contabiliza investimento de 15 milhões de euros na primeira fase do projeto, de acordo com o jornal FAZ.

Embora a fatia de mercado dos elétricos e híbridos ainda represente apenas 0,73% da frota na Alemanha, com 72,7 mil unidades, bem atrás de países como Noruega e Suécia, o número tende a aumentar. Em 2016, houve aumento de 50% da frota sobre 2015, segundo dados da Agência Internacional de Energia. No mercado global, o número também tem crescido de maneira promissora: superou 2 milhões de unidades em 2016, com crescimento de 60% sobre a frota de 2015. A agência prevê que o estoque mundial de automóveis elétricos poderá chegar a 70 milhões de unidades em 2025.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *