Aracaju ganha primeiro trecho da Orla Sul

Redação – 28.05.2021 – Deque do Banho Doce também integra o Trecho 1 e foi completamente revitalizado

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade (Sedurbs) entregou ontem (27/5) o primeiro dos quatro trechos que compõem a Orla Sul de Aracaju e que dá continuidade ao ponto turístico sergipano mais visitado, a Orla de Atalaia. Os investimentos nessa fase somaram R$ 8,9 milhões, financiados pelo tesouro estadual. A obra margeia uma parte do Oceano Atlântico na Zona Sul da capital.

O trecho inaugurado tem 2.260 metros de extensão, delimitados por uma mureta/banco linear em todo o perímetro, calçadas e ciclovia em mão dupla, quatro bolsões de estacionamento, sinalização vertical e horizontal e lixeiras. A iluminação é diferenciada, tendo sido acoplados 72 braços de luz nos postes de concreto, implantados 11 postes com quatro pétalas cada e 206 luminárias modernas com lâmpadas em LED em toda a extensão.

A intervenção também foi contemplada com áreas de lazer contendo aparelhos de ginástica, espreguiçadeiras, brinquedos e esculturas. O projeto paisagístico foi concebido de forma a incorporar às árvores existentes, de modo que em vários trechos, a calçada possui aberturas para preservá-las.

Outro detalhe do projeto foi o plantio de muitas espécies nativas da região, inclusive algumas que haviam desaparecidas daquela área, além de uma grande quantidade de espécies vegetais nativas, a  fim de compensar a inevitável supressão (devidamente autorizada e licenciada) de algumas delas, durante o processo de construção da mureta e dos bolsões de estacionamento. Também foi executado o serviço de drenagem pluvial em todo o trecho.

Grande ponto de atração de banhistas na Praia de Aruana, o Deque do Banho Doce também integra o Trecho 1 e foi completamente revitalizado, tendo em sua nova composição, passarelas, rampas de acesso com corrimãos, bancos e pergolado em concreto, projeto paisagístico, além de um moderno chuveiro por onde corre as águas que lhe deram o nome.

A acessibilidade foi assegurada com a implantação de bicicletários em todos os espaços de lazer, piso tátil, alerta e direcional nas calçadas, rampas para pessoas com mobilidade reduzida nas calçadas próximas aos bolsões de estacionamento e nas faixas de pedestres, três rampas de acesso à praia com corrimãos e ainda cinco passarelas de concreto (todas com iluminação), cujo acesso ao mar pode ser feito através de rampas, facilitando o trajeto dos cadeirantes. Para garantir ainda mais a segurança e integridade dos banhistas, foram construídos dois elevados em concreto que servirão de apoio aos guarda-vidas do Corpo de Bombeiros.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *