Chinesa BYD vai fabricar empilhadeiras elétricas no Brasil

Da Redação – 07.02.2018 –

Produção local deve começar em 2019, mas empresa lança dois novos modelos no país

A chinesa BYD instalou sua fábrica de montagem de ônibus elétricos em Campinas, interior de São Paulo, em 2015. O passo seguinte – ano passado – foi a unidade de produção de painéis fotovoltaicos – também na cidade. Agora, a companhia avisa sobre um passo mais arrojado: a produção local de empilhadeiras elétricas a partir de 2019, segundo seu diretor de vendas no Brasil, Henrique Antunes. Por enquanto, a fabricante traz os equipamentos da China e, inclusive, vai lançar dois novos modelos em março.

Os novos equipamentos foram projetadas para operadores sentados e possuem bateria de fosfato de ferro lítio, cuja vida útil é de três a quatro vezes superior às tradicionais de chumbo ácido. Como possuem carregador portátil de bateria, as duas empilhadeiras dispensam a necessidade de área específica de manutenção. Na avaliação da BYD são mais seguras, pois não oferecem o risco de vazamento ou explosão como acontece com empilhadeiras movidas a gás natural ou diesel.

Destaque entre os lançamentos, a ECB 70 é a única no mundo com capacidade total de movimentação de sete toneladas, de acordo com a fabricante chinesa. A intenção da empresa é ter uma maior penetração no segmento portuário. Para isso, o equipamento teria a vantagem de operar em locais fechados, como docas ou mesmo dentro de navios, pois não emite gases tóxicos. Além da ECB 70, o outro lançamento é a NAR 16 e ambas serão mostradas na feira Intermodal South America, que acontece de 13 a 15 de março em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *