Como a Internet via rádio permitiu que a BRConnect crescesse e ajudasse pequeno município do PR a se conectar

Redação – 10.08.2021 – População rural de Ivaiporã não tinha conexão à Internet, o que levou ao rápido crescimento de provedor regional

Quando a BRConnect começou, em 2006, Ivaiporã não tinha muitas opções de acesso à Internet. Situado a cerca de 400 quilômetros de Curitiba (PR), a zona rural da cidade não tinha nenhuma cobertura de rede. O cenário permitiu que, há quinze anos atrás, Fabiano Fagá começasse uma empreitada que promoveu a BRConnect na cidade.

No quinto episódio do podcast Conexão InfraDigital, o executivo contou que a empresa começou com uma torre de retransmissão em uma área remota na cidade. A ideia era oferecer acesso à Internet via rádio para quem não tinha nenhuma opção. Em um mês, ele conseguiu 40 clientes e passou a entender como é a experiência de seus clientes.

“Em três meses, vimos surgir uma demanda alta de outras regiões que ficaram sabendo do serviço”, diz Fagá. A partir daí, o provedor começou a instalar mais bases e torres e, em um ano, conseguiu 600 clientes em áreas rurais. Em quatro anos de empresa, já eram 2 mil clientes na cidade.

O executivo da BRConnect conta que hoje a empresa conta com 3,5 mil clientes e dezenas de torres. O provedor ainda utiliza rádio para oferecer planos de internet, chegando a até 20 mega de velocidade de download. A maior parte está na zona rural, onde ficam 35% dos clientes da BRConnect.

“Nossa escolha é por instalar nossa infraestrutura em altos de morros, criando até extensão de redes elétricas ou utilizando baterias”, comenta ele, que conta que essa rede ainda sofre ampliação para atender demanda de mais clientes. A BRConnect também investe em fibra óptica como forma de chegar em outras cidades.

Na discussão do podcast, Fagá também comenta como é atuação com clientes em áreas remotas e como faz para manter seus clientes. Confira o episódio.

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *