Conheça quatro soluções para cidades inteligentes criadas no Brasil

Da Redação – 25.06.2018 –

Digitalização, Internet das Coisas, segurança e outros conceitos que estão entrelaçados e que devem pautar o futuro das smart cities

Innova City: Desenvolvido pela catarinense Softplan, a tecnologia está sendo implantada pela Prefeitura de Palhoça (SC)/. O Innova City abarca três áreas principais: trânsito, tributos e posturas municipais e obras. Faz a gestão da fiscalização de ponta a ponta, identificando veículos com irregularidades por meio do uso de câmeras conectadas ao sistema e tornando todo o processo de fiscalização digital, inclusive o de gestão de recursos e defesa de multas. A solução utiliza a tecnologia de inteligência artificial para a análise de dados na área de tributos. Outro recurso é o apoio para a fiscalização das normas da cidade como, por exemplo, os cuidados relacionados aos contribuintes referentes à manutenção de terrenos baldios e à preservação de calçadas, facilitando o trabalho dos fiscais em tempo real.

Ahgora Ponto Web: As aplicações, baseadas na nuvem e com tecnologia como Internet das Coisas,  entregam informações em tempo real sobre a presença (ponto e acesso) de colaboradores à gestão das empresas, possibilitando a tomada de decisões rápidas e de maneira mais precisa. As ferramentas ajudam no controle de fraudes referentes à jornada de trabalho, no banco de horas e de horas extras, contribui para redução de custos, automatiza as rotinas do RH e constrói relações entre empresa e colaborador mais transparentes.  A tecnologia da empresa permitiu à prefeitura de Mogi Guaçu, por exemplo, uma gestão eficaz e em tempo real das horas extras dos servidores públicos. Esse controle gerou uma economia de 8% na folha de pagamento da prefeitura. A empresa também conta com tecnologia de Reconhecimento Facial, que identifica mais de 70 pontos na expressão facial.

APP Atende. Net: aplicativo permite que qualquer cidadão interaja com a prefeitura sem que precise ir à sede da administração municipal ou telefonar para os órgãos. O sistema foi desenvolvido pela IPM Sistemas e lançado no começo de 2018. Além das funcionalidades voltadas às pessoas físicas, como consulta de empresas ativas, notas fiscais eletrônicas de serviços e andamento de processos, as empresas também podem usar o aplicativo para acompanhar editais abertos e, no caso dos bancos, verificar a autenticidade de recibos de pagamento. Também há funções exclusivas para os servidores públicos, que podem consultar a folha de pagamento e outros serviços.

Vizinhança colaborativa: A empresa de vigilância Khronos recebeu em junho durante o Congresso de Prefeitos – Cidades para pessoas, soluções para municípios, o prêmio “Soluções Inovadoras para Cidades Inteligentes – Soluções que tornem as cidades mais humanas e inteligentes”. O reconhecimento é dado ao trabalho realizado por meio da plataforma Camerite em Florianópolis. A Khronos, em parceria com a Camerite, oferece para seus clientes finais um software em nuvem de videomonitoramento. A solução permite que vizinhos compartilhem as imagens públicas de suas câmeras particulares de segurança. As imagens podem ser compartilhada, vistas 24h e ao vivo, ou acessadas por meio de uma linha do tempo. Com inteligência virtual, é possível ainda analisar características de pessoas, movimentos suspeitos e placas de carros. Além disso,  as imagens podem ser compartilhadas com agentes municipais de segurança, auxiliando na resolução de ocorrências.

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *