Covid-19 desacelera no Amapá e estado faz investimento em infraestrutura social

Redação – 20.07.2020 –

Pesquisa indica que a região foi a única onde houve redução de casos no país. Nova frota de ambulâncias e pacote de testes são as novidades

O Amapá foi o único estado da federação onde teria havido a redução de casos da covid-19. A informação é da Folha de S.Paulo a partir de um estudo com modelagem estatística coordenado pela USP. O modelo baseia-se na evolução de casos por área em um período de 30 dias no qual a doença teve um pico de contágio, comparada ao período mais recente. A partir dessas informações foram medidas a aceleração da pandemia e a maneira pela qual o número de casos aumenta ou diminui.

Segundo o levantamento, dos 27 estados do país, 16 se encontra na fase acelerada, em que o número de novos casos está crescendo, enquanto 10 encontram-se na fase estável, sem aumento de novos casos, porém, sem apresentar uma redução.

Apesar da redução, o estado nortista investe em infraestrutura social, inclusive com o aporte de 25 ambulâncias e 130 mil exames, entregues na última sexta-feira (17/7). O  Amapá também recebeu 480 mil litros de combustível da Petrobras para o enfrentamento à pandemia.

As ambulâncias são equipadas com UTIs móveis e quatro delas serão destinadas ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e três para a prefeitura de Macapá. Aos municípios de Santana, Laranjal do Jari e Oiapoque foram duas unidades para cada, que devem atender às demandas municipais do sistema de saúde e do hospital regional; os demais municípios receberam uma ambulância, cada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *