Embratel entra no mercado de utilities

Da Redação – 23.02.2018 –

Empresa lança plataforma de gestão de arrecadação para concessionárias de energia e água

Além de operadora de telecomunicações, a Embratel quer ampliar sua área de serviços, agora com foco em concessionárias e órgãos de governo. O que ela oferece? Uma plataforma de gestão de arrecadação. Explicando: a ferramenta cruza todo tipo de informação – desde o pagamento de uma conta até a efetiva realização dessa conta no lado bancário. É uma espécie de controle, uma capivara digital detalhada. O serviço também pode ser utilizado por órgãos de governo, que passam a acompanhar fim a fim, por exemplo, o processo de pagamento de tributos.

“A Embratel está ampliando seu portfólio com soluções voltadas para a gestão integrada de negócios. Com a nova solução, os clientes podem ter visibilidade e controle de todos os documentos que trafegam na cadeia de pagamento”, explica Mário Rachid, Diretor Executivo de Soluções Digitais da operadora. De acordo com ele, o controle envolve desde os débitos bancários, transferências ou contas com código de barras. Ele ressalta que o produto permite aumento da produtividade dos setores de tesouraria ou cobrança dos clientes.

A plataforma também permite verificar, de forma automática, divergências em dados e valores cobrados e recebidos, além de outras falhas que possam ocorrer durante o processamento de pagamento. Também é possível saber quem são os consumidores devedores, permitindo uma avaliação mais rápida sobre as ações necessárias para resolver a situação. A nova oferta garante ainda a verificação automática dos valores arrecadados com o extrato bancário.

A solução foi criada para atender a demanda por ferramentas para medição e monitoramento de desempenho das arrecadações, mitigando problemas como o repasse incorreto de valores ou de pagamentos recebidos na data incorreta. A nova oferta elimina também o problema da morosidade de atualização dos sistemas contábeis. “Os clientes recebem alertas e relatórios frequentes com informações dos recebimentos, permitindo rastreabilidade e o maior controle dos pagamentos”, explica Maria Teresa Azevedo Lima, Diretora Executiva para Governo da Embratel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *