Empresa cria armários inteligentes e viabiliza centros de distribuição urbana em garagens

Redação – 05.11.2019 –

Lançamento é da Unpark, startup que aposta em equipamento móvel e totalmente digital, com dimensões para ser instalado em garagens

As garagens estão sendo reinventadas como minicentros de armazenamento e distribuição urbana para negócios B2C ou B2B. Essa é a ideia do primeiro armário totalmente digital e móvel da startup brasileira Unpark. Segundo ela, o Unpod G2, como foi batizado, é a segunda geração do modelo, tem as dimensões de uma vaga de garagem e foi criado para atender às necessidades de empresas que buscam ganhar eficiência na distribuição de seus produtos. Uma das aplicações possíveis do armário é como ponto de entregas avançado em centros urbanos. Já os condomínios de prédios compactos podem usá-lo como recurso de armazenamento.

“Startups são plataformas de conectar dores e por isso juntar a dor da ociosidade das garagens com as dores das novas necessidades logísticas é o nosso mantra diário”, diz Samantha Barbieri co-fundadora da Unpark. Segundo ela, a diversidade da solução permite que possam ser armazenados de envelopes a TVs de 80 polegadas. O equipamento é móvel e tem 1,40 metro de largura e 1,80 metro de altura, com comprimento que varia entre 2,60 metros e 3,60 metros. Para imóveis de 20, 30 metros quadrados, o armário inteligente acrescenta mais 9 metros cúbicos de espaço em média, otimizando a logística de prédios residenciais.

No mercado B2B, o equipamento pode flexibilizar a distribuição em grandes centros urbanos, onde o tráfego de caminhões tem sido restrito. Ele atenderia à estratégia omnichannel de setores da economia como o varejo são impulsionadores naturais ao Unpod G2. Funcionando como posto avançado de distribuição, ele pode reduzir o preço do frete e prazo de entrega para determinadas regiões ou cidades, na avaliação da startup. Para o consumidor final, além da possibilidade de retirar produtos comprados pela internet em pontos mais próximos dele, incentivando uma mobilidade urbana inteligente.

Na prática São Paulo já tem dois Unpod G2 ativos em endereços no bairro do Itaim, na Zona Sul da cidade. Até o início do ano que vem, outras unidades estarão em operação. Segundo a Unpark, a empresa está em fase de testes pilotos com empresas de varejo, bebidas e logística. A startup também já tem 280 mil vagas de estacionamentos pré-contatadas para serem transformadas em pontos logísticos estratégicos. Isso representa cerca de mil endereços diferentes em 102 cidades, de 23 estados. Além do Unpod G2, a empresa conta com outras soluções para garagens, como o Undocking, modelo de negócio que utiliza de seis a oito vagas de garagem para a estruturação de uma operação logística de troca de modal.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *