Foz do Iguaçu deve ganhar ponto de ônibus high tech

Redação – 22.03.2019 –

O uso de tecnologias para fornecer um ponto de ônibus com segurança, acessibilidade e conforto, levando Foz do Iguaçu para mais perto do conceito de uma smart city, é um dos desenvolvimentos que a Intelbras e a startup Infravias planejam emplacar nos próximos tempos. As empresas anunciaram uma parceria para o desenvolvimento de soluções para setores da infraestrutura e de mobilidade, sendo a cidade paranaense o primeiro aporto.

“A parada de transporte público para cidades inteligentes pretende desenvolver proposta de equipamentos que contemplem sistema de câmeras para monitoramento e sua interligação com a polícia e central de controle do transporte coletivo (CCO), objetivando a melhora da segurança pública e questões de gestão de tráfego”, diz Aloísio Pereira da Silva, CEO da Infravias.

Nesse ponto de ônibus também devem ser utilizados sistemas de iluminação, de carregamento de dispositivos móveis (USB) e display multimídia, tudo alimentado por energia solar. O WiFi gratuito também está inserido no projeto, para acesso aos serviços relacionados ao sistema de transporte. Anexo ao ponto, está prevista área de bicicletário com possibilidade de compartilhamento de bicicletas e patinetes.

“Investimos 6% do nosso faturamento em pesquisa e desenvolvimento. Sendo assim, ficamos extremamente felizes com a parceria com a Infravias. Temos certeza que o ponto de ônibus irá revolucionar o transporte público em cidades inteligentes”, diz Márcio Ferreira, diretor comercial da Intelbras. “Nós disponibilizamos a tecnologia e expertise para a implementação do sistema de CFTV, energia solar, Wi-Fi e carregamento de dispositivos eletrônicos das paradas de ônibus. Equipamentos como painéis solares e equipamentos wi-fi de alta velocidade serão utilizados na solução”, adiciona Ferreira.

O ponto de ônibus está sendo desenvolvido como proposta para revitalização do bairro Vila A, em Foz do Iguaçu. Ele faz parte de um projeto de planejamento urbano focado em sustentabilidade, em parceria com a prefeitura municipal. Sob as calçadas e ciclovias será implantado o sistema Infravia, que organiza as redes de gás, água, esgoto, energia elétrica, comunicações e drenagem pluvial, facilitando a operação e manutenção dessas infraestruturas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *