Hamburg Süd e Brado fecham acordo de logística colaborativa

Da Redação – 29.09.2017 –

Operação envolve, inicialmente, a reutilização de contêineres no transporte de cargas secas entre Santos e Rondonópolis (MT)

A parceria entre as duas empresas é simples: a Hamburg Süd entra com sua capacidade de movimentação marítima de contêineres – é uma das dez maiores do setor – e a Brado com a capilaridade de sua infraestrutura de ferrovias e terminais. Na prática, o processo começa com a rota entre Santos (SP) e Rondonópolis (MT). Segundo as empresas, o acordo agrega mais contêineres e melhor aproveitamento de espaço no transporte de cargas entre os dois estados. O passo dois será a expansão para as regiões de Paranaguá, Ponta Grossa, Cambé e Londrina, no Paraná, e entre Santos e Araraquara.

Com a parceria, a Brado poderá utilizar contêineres da Hamburg Süd para o transporte de cargas secas do Porto de Santos em direção a Mato Grosso em operações de mercado interno e importação. Como já tem um terminal Intermodal em Rondonópolis, ela amplia a sua capacidade de abastecimento do Mato Grosso. No caminho inverso, ela remete os mesmos contêineres, agora abastecidos com produtos para exportação. Em resumo: faz um uso inteligente da infraestrutura disponível. O acordo já disponibilizou 50 contêineres de 40 pés da Hamburg Süd para a Brado.

“Com essa sinergia, as duas empresas ganham em termos de custos e níveis de serviço. Além disso, a Hamburg Süd tem a oportunidade de reforçar sua marca na região do Mato Grosso,” comenta o gerente nacional de Operações Intermodais da companhia, Fernando Camargo.

Com mais estrutura, a Brado ganha fôlego para o atendimento de seus clientes e para novos contratos. “O round-trip do contêiner (movimentação de ida e volta) será otimizado. A menor circulação de equipamentos vazios melhora o custo/benefício da multimodalidade”, acrescenta Daniel Salcedo, gerente executivo da empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *