IoT é assunto de primeira ordem para 81% das empresas

Da Redação – 18.10.2018 –

Projetos saem das mãos das áreas de inovação e passam para TI; Brasil é mais otimista para o futuro da tecnologia do que outros países latino-americanos.

Uma pesquisa encomendada pela Logicalis aponta que 81% dos executivos de grandes empresas avaliam as soluções de internet das coisas como fundamental para os negócios que serão realizados em até cinco anos. O levantamento ouviu 272 executivos latino-americanos de companhias de diversos ramos de atuação, inclusive industrial e agrícola.

No Brasil, especificamente, o entusiasmo com as soluções de IoT é maior. Aqui, 17% das empresas entrevistadas já adotam soluções do tipo e 38% estão em processo de adoção. Na América Latina esses parâmetros são 16% e 34%, respectivamente. “O destaque é o Chile, onde 27% dos respondentes já adotam internet da coisas e outros 23% devem lançar projetos até o final de 2019”, aponta o relatório.

Sobre a motivação/benefícios, a eficiência operacional é o motivo de 18% dos entrevistados buscar soluções de IoT. Aumento de produtividade e agilidade estão páreos ao parâmetro anterior, representando o desejo de 17%.

Esse último parâmetro tem relação com o tipo de indústria abordada. A própria pesquisa identificou que para empresas de manufatura, por exemplo, o mais importante é a eficiência operacional. Já para o agronegócio, a produtividade/agilidade é o impulsionador das soluções de internet das coisas.

A pesquisa da Logicalis está na terceira edição consecutiva. Comparando a deste ano com a de 2016, quando começou, percebe-se que os projetos de IoT estão sendo cada vez mais carreados para a área de TI, que hoje detém responsabilidade por 68% eles. Antes, as soluções estavam sob o guarda-chuva das áreas de inovação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *