LTE amplia oferta de serviços de provedores regionais

Da Redação – 14.05.2018 –

Avaliação é da catarinense Khomp, fabricante de soluções para telecomunicações

O LTE, tecnologia de evolução de longo prazo, sinônimo de redes 4G de telefonia móvel, pode ser a chave de expansão dos provedores regionais. A solução poderia ser aplicada em cidades inteligentes, criando uma infraestrutura para a transmissão de dados de Internet das Coisas, o que inclui ainda soluções de segurança, como o monitoramento via câmeras.

“Muitas soluções de vigilância exigem o tráfego de dados em tempo real, principalmente as que utilizam recursos como Inteligência Artificial e Machine Learning”, explica Ricardo Alexandre Vieira, gerente de Produtos da Khomp. “Isso demanda uma sólida conexão banda larga, o que, em muitas localidades, ainda não funciona plenamente”, complementa o executivo.

Vieira lembra que a facilidade de implantação do LTE a torna perfeita para oferecer internet com alta velocidade e estabilidade em lugares que não contam com uma infraestrutura de fibra adequada – principalmente nos casos em que é impossível estabelecer essa base.

Segundo ele, além de uma rede de internet exclusiva para os sensores e aparelhos de vigilância, o LTE viabiliza a transmissão de dados mais segura e estável, tanto entre os equipamentos em si, como com os servidores em nuvem.

“Para os provedores de serviços de internet (ISPs), o LTE oferece uma oportunidade interessante de parceria com as empresas de segurança, no sentido de estabelecer uma infraestrutura de banda larga exclusiva para determinados projetos, como Smart Cities”, finaliza.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *