Operadora de telecom mostra como reduzir custos de combustíveis em frotas

Nelson Valêncio – 05.04.2021 – 

A Verizon está aproveitando a cobertura de rede nos Estados Unidos para gerenciar frotas. Isso mesmo: a operadora tem uma das maiores redes do país e a está usando para implementar uma plataforma de serviços direcionada ao monitoramento de frotas. O Verizon Connect, nome comercial da oferta, acaba funcionando como um Big Data sobre o deslocamento de veículos corporativos. Em um relatório recente, a empresa  vai direto ao ponto e mostra como as detentoras de grandes frotas podem reduzir seus custos de combustíveis, um insumo que pesa muito entre as despesas operacionais.

O que o relatório propõe é o uso eficiente do insumo. E o gerenciamento de frota pode ser usado para isso, fornecendo visibilidade para cinco pontos importantes dessa missão: redução do excesso de velocidade, redução da marcha lenta desnecessária, manutenção do veículo, otimização da frota e do próprio consumo. O primeiro e o último itens parecem os mais óbvios porque representam uma das maneiras mais rápidas para as empresas economizarem dinheiro na bomba, criando um sistema de gestão mais eficiente do consumo.

Da mesma forma, o treinamento dos motoristas pode ajudar a diminuir o uso da marcha lenta desnecessariamente. O ideal é sempre treinar os motoristas e estabelecer programas de recompensa, além de dar indicadores para que eles mesmos acompanhem e adotem melhores práticas usando alertas na cabine

A manutenção adequada também é importante na equação de economia de combustível. Para garantir que os veículos operem de maneira otimizada em todos os momentos, um sistema de monitoramento pode ajudar a identificar o melhor momento para realizar a manutenção. Uma gestão de frota integrada automatiza isso, com processos em tempo real, incluindo alertas de manutenção e ferramentas de planejamento de rota que ajustam as rotas perfeitamente para compensar os veículos que saem para manutenção ou reparo. A navegação otimizada e a entrega com horários podem significar não apenas menos quilômetros dirigidos, como consumo mais baixo de combustível e menos manutenção.

A otimização do consumo deve envolver ainda ações contra fraudes. O roubo de combustível e o uso de combustível não autorizado podem estar prejudicando a gestão da frota mais do que se imagina. Há recursos para combater isso, caso dos módulos que monitoraram o uso de combustível de cada veículo e que podem ajudar a detectar qualquer anormalidade quando comparado com médias de veículos. A integração de cartões de consumo de combustível à soluções de telemática também torna mais fácil a identificação de compras fraudulentas.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *