Perfuratriz de operação automática da Atlas Copco chega ao Brasil

Ao melhor estilo da robótica, as primeiras perfuratrizes hidráulicas e totalmente controladas por controle remoto para o mercado de rochas ornamentais são apresentadas ao Brasil pela primeira vez na Cachoeiro Stone Fair.

Por Rodrigo Conceição Santos – 25.08.2017 –

A divisão de mineração da Atlas Copco – que está sendo transformada mundialmente em uma nova empresa do grupo, a Epiroc – demonstra pela primeira vez no Brasil uma perfuratriz hidráulica focada na extração de rochas ornamentais. Trata-se da SpeedROC 2FA, acoplada em escavadeiras e que é totalmente operada por controle remoto, via rádio. O totalmente, nesse caso, é totalmente mesmo: até a escavadeira passa a ser operada a distância, uma vez que a Atlas Copco realiza interface com o sistema eletrônico da escavadeira.

Segundo Daniel Corrêa, gerente de produto da fabricante, o equipamento chega para substituir as antigas perfuratrizes de sistema de controle desatualizado, mas que ainda são largamente utilizadas no setor de rochas ornamentais. A SpeedROC2FA perfura até 1 mil metros lineares por dia, o que é, no mínimo, o dobro das concorrentes mais antigas.

O especialista explica que esse equipamento tem haste de perfuração integral, ou seja, sem acoplamentos, com comprimento que vai de 3,2 m a 4 metros cada. São duas em cada máquina. Os bits são fixados à essas hastes por um sistema de encaixe em formato de cone. Isso é considerado pela fabricante um acoplamento mais eficiente, à medida que reduz a possibilidade de o bit girar em falso, prejudicando, assim, a velocidade e qualidade da furação. “Com essa tecnologia, a SpeedROC 2FA realiza perfurações de 28 a 45 mm cada. A operação pode ser manual, semiautomática ou totalmente automática, permitindo ainda que os furos estejam espaçados em 15, 20 ou 30 centímetros entre si”, salienta Daniel Corrêa.

A observação técnica dele tem um sentido: com o comprimento ideal e o correto espaçamento entre os furos, de acordo com o material perfurado, os blocos são separados com dimensões simétricas. Com isso, explica Daniel Corrêa, reduzem-se as perdas ocasionadas pelas rebarbas nos blocos de rocha.

Caso de Sucesso
A tecnologia foi bem-quista pelo Grupo Thomazini, que é o primeiro cliente das SpeedROC 2FA no Brasil. A empresa comprou sete unidades, que serão usadas em diferentes tipos de rochas.

A primeira delas, montada sobre escavadeira de 24 toneladas da Volvo, já está em operação em uma das 24 jazidas da companhia.

Essa máquina, apurou o InfraROI durante a Cachoeiro Stone Fair – em realização nesta semana na cidade de Cachoeiro do Itapemirim (ES) – está surpreendendo positivamente. Ela está realizando 1 metro linear de perfuração em 20 segundos.

Uma segunda unidade já foi montada pelo Grupo Thomazini em escavadeira sobre rodas da Doosan. O grupo, aliás, passou a ser o distribuidor da marca para o Estado do Espírito Santo. As demais cinco estão em processo de fabricação e também serão montadas em escavadeiras sobre rodas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *