Petrobras implanta canal de denúncias

Independente, novo meio de comunicação e entra em operação ainda em novembro. 

Da Redação – 27.10.2015 –  

A Petrobras escolheu uma empresa externa para gerenciar um canal de denúncias na instituição. O processo, conduzido via licitação, faz parte de um conjunto de medidas que a petroleira está adotando com o objetivo de aprimorar e fortalecer sua governança. A previsão é de que até o final de novembro próximo o canal esteja operando.

“Qualquer pessoa poderá encaminhar denúncias por meio do site, que estará conectado diretamente com a empresa contratada, ou por telefone. O canal funcionará 24 horas por dia com atendimento em diversos idiomas (formulários no site) e, em português, inglês e espanhol, pelo telefone”, explica o comunicado oficial da Petrobras.

De acordo com a empresa, o denunciante poderá permanecer no anonimato, com exceção de casos que envolvam questões comportamentais (violência física e psicológica, assédio moral e assédio sexual). Ainda na avaliação da Petrobras, o sistema utilizado pelo canal não permite rastreamentos que possam identificar o denunciante.

No site do canal de denúncias estará disponível um formulário para preenchimento com informações que permitam a apuração da irregularidade, como a descrição dos fatos ocorridos, a unidade e o período em que aconteceram, assim como informações de pessoas ou empresas envolvidas. Também será possível encaminhar documentos e indicar testemunhas das irregularidades. As mesmas informações deverão ser prestadas quando a denúncia for feita por telefone.

O denunciante receberá um código e poderá acompanhar pelo site do canal as providências tomadas em relação à denúncia. A empresa responsável pelo recebimento das denúncias as remeterá à Ouvidoria-Geral da Petrobras, que dará o tratamento adequado às irregularidades relatadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *