Piauí Conectado avança para cidade de Valença

Redação – 17.07.2020 –

Projeto prevê 1,5 mil pontos de acesso em todo o estado nordestino, cobrindo 85% da população

O projeto Piauí Conectado chegou à Valença, uma das cidades previstas para a expansão dos serviços digitais do estado. A iniciativa tem a meta de criar um backbone óptico de 5 mil km de rede, com 1,5 mil pontos de acesso. A área de cobertura do projeto deve envolver 85% da população do Piauí segundo o governo do estado. Em Valença, a mais nova cidade integrada, foram 19 pontos integrando vários órgãos da administração pública.

O foco do Piauí conectado é a tríade educação, saúde e segurança e deve chegar a 98 municípios, com pontos de velocidade mínima de 30 Mbps. No caso de Valença, estão interligados à rede o Departamento Estadual de Trânsito do Piauí (Detran), a Defensoria Pública, a Secretaria da Saúde, escolas, hospitais, entre outros. A ideia é permitir que os servidores públicos realizem suas funções de forma mais ágil e sem oscilações no sistema.

Segundo Miridan Sousa, coordenadora do Detran de Valença, o tempo de espera para resolução de demandas no órgão diminuiu. “Notamos mais rapidez na execução das demandas e melhorou de forma significativa, pois o serviço ficou mais ágil. Antes, era mais complicado, pois não tinha acesso à internet. Hoje, não acumulamos mais serviços e informações que dependiam da sede em Teresina para serem resolvidos”, relata a coordenadora.

A 7ª Gerência Regional de Educação (GRE) de Valença também conta com a internet da Piauí Conectado. A gerente da unidade, Kátia Leite, explica que, após a implantação, o trabalho ficou mais dinâmico. Antes, a queda do sistema e a lentidão da internet eram frequentes. Com a internet de qualidade, os colaboradores da unidade conseguem realizar pesquisas e dispõem de mais agilidade no recebimento e envio de e-mails.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *