Porto Alegre avança em concessão de R$ 368 milhões

Redação – 22.10.2020 – 

Oferta mínima por interessados na licitação deve ser de 1.144 abrigos em 813 paradas de ônibus na capital 

Foto de Maria Ana Krack

A Secretaria Municipal de Parcerias Estratégicas (SMPE) realizou na segunda semana de outubro um encontro virtual com o Tribunal de Contas do Estado (TCE) para esclarecer dúvidas sobre o edital de concessão dos abrigos de ônibus, lançado em setembro e com abertura das propostas marcada para 30 de outubro. Os técnicos da prefeitura reforçaram que vencerá a licitação quem ofertar o maior número de abrigos para Porto Alegre.

A outorga mínima estipulada pelo edital é de 1.144 abrigos em 813 paradas, podendo chegar a um máximo de 5.325 abrigos em 4.163 paradas. Em contrapartida, o parceiro privado poderá utilizar os espaços para publicidade.

Para o número mínimo de abrigos, o investimento previsto é de R$ 29 milhões, e os custos de operação e manutenção estão estimados em R$ 339 milhões durante os 20 anos de contrato. Além dos aspectos econômicos, também foram detalhados ao TCE os itens que compõem cada um dos modelos do mobiliário urbano.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *