PUCRS e Huawei renovam parceria com foco em IoT

Da Redação – 30.01.2018 –

Convênio envolve formação de profissionais e projetos na área de Internet das Coisas

A colaboração entre a fabricante chinesa de soluções de telecomunicações e a universidade gaúcha ganhou força em 2016 com a criação do Smart City Innovation Center PUCRS Huawei. Agora, as duas avançam mais um passo. “O objetivo é formalizar a união de esforços na formação de pessoas para planejar, desenvolver e implantar projetos que utilizem o conceito de Internet das Coisas (IoT)”, diz o documento oficial divulgado pela multinacional. Com a expansão do convênio, a PUCRS passa a oferecer um curso de extensão em Internet das Coisas com certificação Huawei.

O esforço da empresa asiática não está limitado à PUCRS e ela pretende capacitar 40 mil pessoas em todo o Brasil até 2019, o que inclui parcerias com outras instituições. Uma das estratégias para alcançar a meta, segundo ela, é a aproximação com as universidades e com lideranças governamentais. Até 2017, a empresa já havia capacitado mais de 28 mil pessoas.

Para Fabiano Hessel, coordenador do Centro da PUCRS, a estrutura inaugurada em 2016 despertou o interesse de empresários e gestores públicos pela possibilidade de transformar cidades em lugares mais adequados às necessidades do cidadão em áreas como saúde, segurança, educação, agricultura e mobilidade urbana. “A partir da interação com os diferentes setores da sociedade, percebemos a necessidade de preparar recursos humanos para atuar nesse novo mercado. Em 2017, em parceria com a Huawei, formamos 95 pessoas”, conta Hessel.

O Smart City Innovation Center Huawei PUCRS tem como missão auxiliar cidades e indústrias a entenderem os desafios relacionados aos projetos de Cidades Inteligentes e Internet das Coisas ​​e a propor soluções possíveis e viáveis de serem implementadas. Isso ocorre por meio de apoio na identificação do time-to-market: as prioridades, o modelo de negócio a ser aplicado e como gerar valor e informação. Com isso, é possível entregar dispositivos que facilitem a vida das pessoas em uma plataforma de comunicação confiável e acessível, permitindo integrar diferentes atores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *