Redes sem fio de nova geração devem expandir o uso de Internet das Coisas em logística

Redação – 23.06.2020

Estudo da DHL revela que 75% planejam implementar pelo menos uma tecnologia de redes sem Fio de última geração (NGW) em futuro próximo como parte da estratégia de visibilidade

A DHL lançou um estudo sobre a evolução das redes sem fio e o futuro da Internet das Coisas (IoT) no setor de logística. Intitulado Next-Generation Wireless in Logistics, o relatório resume as perspectivas do setor de logística e os números mais recentes, apresentando exemplos e prevendo possibilidades futuras para as redes sem fio de última geração. O levantamento abre espaço para discutir outras redes que não somente as de 5G, sempre foco de atenção.

“Além do 5G, os avanços em uma ampla variedade de tecnologias de comunicação sem fio estão criando novas oportunidades para o setor de logística aprimorar os níveis de visibilidade, aumentar a eficiência operacional e acelerar a automação”, diz o documento. Segundo o estudo, tecnologias conhecidas, caso do Wi-Fi e o Bluetooth, e menos conhecidas, como as redes de longa distância de baixa potência (LPWAN) e os satélites de baixa órbita terrestre (LEO), foram aprimoradas para uso industrial.

Na avaliação da DHL, as tecnologias sem fio de última geração viabilizarão uma nova etapa na revolução da comunicação, rumo a um novo mundo em que todas as pessoas, coisas e lugares poderão se conectar.

Os três principais desafios para os entrevistados ouvidos no levantamento são: alcançar uma verdadeira visibilidade de ponta a ponta; a falta de uma única plataforma centralizada para impulsionar as iniciativas de IoT; e a coleta fragmentada de dados de cadeias de suprimentos inerentemente heterogêneas.

Já as três principais prioridades identificadas para moldar as estratégias nesta área são visibilidade de ponta a ponta sobre o transporte, visibilidade sobre o estoque e a implementação de soluções analíticas sobre os dados de Supply Chain. Cerca de 75% dos entrevistados afirmaram que pretendem implementar pelo menos uma tecnologia de rede sem fio de última geração no futuro próximo para cumprir suas metas de visibilidade.

“Após ter transformado as indústrias que contam com menos ativos em sua estrutura (asset-light industries), a revolução digital agora está mudando rapidamente as indústrias com mais com ativos físicos (asset-heavy industries) – desde fabricantes de automóveis e empresas de manufatura até prestadores de serviços da área da saúde”, diz Markus Kückelhaus, vice-presidente de Pesquisas de Inovações e Tendências da DHL Customer Solutions & Innovation.

O estudo da DHL inclui uma seção especializada sobre como funcionam as tecnologias sem fio mais recentes, além de destacar alguns projetos inovadores em andamento no setor e fornecer diretrizes de implementação para as organizações de Supply Chain. O estudo completo Next-Generation Wireless in Logistics está disponível gratuitamente para download em http://www.dhl.com/next-gen-wireless-logistics.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *