thyssenkrupp aposta em mineração 4.0

Redação – 12.08.2019 –

Fabricante tem um escritório especifico na Alemanha que concentra as iniciativas de digitalização 

A thyssenkrupp (assim mesmo com minúscula como é a sua grafia oficial) escolheu a Exposibram desse ano, um dos principais eventos do setor mineral, para falar de seu portfólio de indústria 4.0 para o segmento.  A ideia é destacar as soluções para a mineração 4.0, incluindo a digitalização de processos a partir de sistemas autônomos e inteligência artificial, desde a extração de minério, processamento, estocagem até a logística de escoamento nos portos.

Um exemplo são os pátios de estocagem, onde já é possível implementar soluções digitais que possibilitam que os equipamentos identifiquem a localização de cada tipo de material no pátio (por meio de tecnologias de escaneamento 3D e drones), as respectivas características desses materiais e façam a disposição automática nos devidos vagões ou diretamente nos navios, de acordo com o pedido recebido pelo sistema.

A thysenkrupp também criou uma célula de inovação específica para atender as mineradoras, a Digital Technology Office, na Alemanha, liderada pelo brasileiro Bruno Castro. O escritório atua de forma integrada com as 16 localidades especializadas em mineração que a empresa possui ao redor do mundo, entre elas a unidade do Brasil.

“Entre os principais benefícios da digitalização na mineração está o aumento significativo da eficiência dos processos, da produtividade e sustentabilidade, além da redução dos custos de produção, o que para este setor é fundamental”, defende Castro. “Além disso, diversos sensores instalados e os dados coletados dos equipamentos inteligentes têm o potencial para permitir manutenções preditivas, que podem reduzir significativamente as paradas nos maquinários”, complementa.

Além da mineração 4.0, a fabricante europeia deve destacar equipamentos como o britador de rolos excêntrico e a empilhadeira sobre ponte móvel lizard, equipamento para lixiviação e empilhamento de rejeitos secos que combina duas tecnologias comprovadas – o transportador tipo em ponte (“bridge conveyor”) e o tripper car.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *