Veículos e contêineres puxam aumento da carga geral nos portos do Paraná

Redação – 17.12.2019 –

A movimentação de carga geral pelos portos de Paranaguá e Antonina aumentou 7% de janeiro a novembro desse ano em relação ao mesmo período de 2019. Os dados são da Secretaria de Infraestrutura e Logística do Paraná e indicam que os dois portos movimentaram 10,34 milhões de toneladas importadas e exportadas nos 11 meses. No ano passado, a movimentação foi de 9,66 milhões de toneladas.

O processo está concentrado principalmente na movimentação de contêineres e veículos. Nos onze meses do ano, foram 794.643 unidades de contêineres movimentadas (TEUs); 398.648 de importação e 395.995, exportação. O número é 12% maior que a movimentada em 2018, nos dois sentidos. No ano passado, foram 707.453 unidades.

Já o número de veículos movimentados pelo Porto de Paranaguá, de janeiro a novembro, aumentou 7%. Este ano, foram 124.723 veículos, enquanto que no ano passado foram 116.899. Considerando apenas novembro, foram exportados quase quatro vezes mais carros do que foi importado. No mês, foram 12.443 veículos para exportação e 3.745 de importação.

Além de contêineres e dos veículos, os produtos do segmento de carga geral mais movimentados no período nos portos paranaenses estão a celulose, o açúcar em saca e itens e peças utilizadas na indústria e outras áreas. O açúcar em saca é exportado tanto pelo Porto de Paranaguá, quanto por Antonina. Por Antonina, a movimentação do produto também apresenta alta de 7%. Este ano, de janeiro a novembro, foram quase 49 mil toneladas exportadas por lá. Em 2018, foram 45,5 mil toneladas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *