Catanduva finaliza rede óptica com 107 km

Redação – 11.08.2020 –

Município do interior paulista interliga mais de 100 sites de órgãos públicos, fortalecendo conceito de cidade digital

A cidade de Catanduva, no interior de São Paulo, finalizou seu projeto de digitalização com uma rede de fibra óptica de 107 km. A infraestrutura, que interliga, mais de 100 sites de órgãos públicos, forma a infovia do município e custou R$ 1,15 milhão. Com a malha, a cidade paulista passa a oferecer uma internet de alta velocidade a várias instituições – de unidades básicas de saúde às secretarias municipais e escolas. Para implantar a infovia a prefeitura contratou a Fibra Óptica Rio Preto (FORP).

As obras tiveram início em fevereiro deste ano e foram concluídas no início de agosto. Cerca de 50 profissionais, entre colaboradores da FORP, funcionários da Prefeitura e terceirizados, participaram do projeto. Um dos desafios da obra foi a instalação da rede em área de mata fechada, de preservação permanente. “Utilizamos drones para poder passar por cima da mata sem qualquer dano ao meio ambiente. Com isso, conseguimos levar a rede óptica ao bairro Pedro Nechar, que é bem afastado do centro urbano”, explica George Fernando Longhi, CEO da FORP.

“A cidade, quando se torna digital, consegue oferecer de forma rápida e precisa serviços cada vez mais digitais e de fácil acesso, como aplicativos de celulares. Isso traz a população para perto do serviço público e reduz o tempo de atendimento. Além disso, temos também ganho na produtividade dos servidores, uma vez que o acesso a informações nos sistemas integrados via fibra óptica se torna mais rápido”, complementa Longhi.

Segundo ele, a nova rede óptica de Catanduva está preparada para atender a um crescimento de até 50% da demanda no futuro e possibilita ainda a implantação de sistemas de segurança eletrônica, que poderão ser gerenciados por um único ou diversos locais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *