Estudo brasileiro mostra que adição de etanol ao diesel reduz emissão de gases

Redação – 27.02.2020 –

Um estudo desenvolvido por especialistas brasileiros e denominado “The effective use of etanol for greenhouse gas emissions reduction in a diesel engine” mostra que a adição de etanol no diesel é eficiente e pode reduzir em até 57% a emissão de gases de efeito estufa. O trabalho será apresentado em Detroit, nos EUA, no dia 21 de abril e recebeu a premiação dos melhores papers da 28ª edição do Congresso SAE Brasil.

“Esse trabalho foi realizado em um motor diesel comercial pesado no qual conseguimos reduzir as emissões de poluentes. Realizamos diversos cálculos e estimativas nas quais identificamos uma redução significativa, de até 57%, dos gases de efeito estufa, no caso CO2 equivalente”, explica Vinicius Pedrozo, que é formado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), tem doutorado pleno no exterior com bolsa do programa Ciência sem Fronteiras da CAPES, em engenharia mecânica na Brunel University London e atua na Volkswagen do Brasil, com veículos leves na área de pesquisa e inovação de powertrain.

Além dele, Thompson Diordinins Metzka Lanzanova, Ian Alexander May e Wei Guan compuseram a pesquisa que propõe reduzir a utilização de combustível fóssil (diesel) e maximizar a utilização do etanol usando estratégias avançadas de injeção de combustão. “Ser o primeiro colocado (no SAE Brasil) é o reconhecimento de um trabalho de quatro anos e muitas horas de dedicação. A oportunidade de apresentar nos Estados Unidos nossa experiência aqui do Brasil com combustíveis com etanol será uma experiência que evidencia a qualidade da pesquisa do País e o nosso potencial para desenvolver produtos focados em combustíveis alternativos”, diz o engenheiro.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *