Gigante norueguesa de energia amplia presença no BR

Da Redação – 30.10.2018 –

Statkraft adquire oito usinas e pequenas centrais hidrelétricas (PCHs) do grupo português EDP

Maior geradora de energia renovável da Europa, a Statkraft acaba de comprar um conjunto de oito usinas e pequenas centrais hidrelétricas da EDP Energias do Brasil. Todas as operações estão no Espírito Santo e somam uma capacidade instalada de 131.9 MW. O portfólio de geração da Statkraft – antes da aquisição – inclui usinas e pequenas centrais hidrelétricas, bem como quatro parques eólicos. Além disso, a Statkraft detém uma participação minoritária em quatro outras usinas hidrelétricas. No total, o portfólio era de 318 MW.

A multinacional opera no país via Statkraft Energias Renováveis S.A. (SKER), onde detém  81.31% do capital social, sendo os 18.68% restantes do fundo de pensão brasileiro Funcef.  Com a aquisição das oito usinas e pequenas centrais hidrelétricas da EDP a capacidade da Statkraft no Brasil será de cerca de 450 MW. A transação está alinhada com a estratégia da Statkraft de desenvolver e diversificar o seu portfólio com aquisições seletivas em mercados relevantes. No Brasil, a ambição é crescer adquirindo novos ativos, otimizando os que se encontram em operação e desenvolvendo novas capacidades de geração em energia hidrelétrica, eólica e solar.

“Esta aquisição é um passo importante para a realização das ambições estratégicas da Statkraft no Brasil. Nosso objetivo é termos uma participação ainda mais relevante no mercado de energia renovável, alavancando a expertise global da Statkraft em desenvolvimento, geração e comercialização de energia”, diz Fernando de Lapuerta, Presidente da Statkraft no Brasil.

Pelo acordo, a SKER adquirirá 100% das ações detidas pela EDP Energias do Brasil S.A. na EDP Pequenas Centrais Hidroelétricas S.A. (composta por 7 usinas e pequenas centrais hidrelétricas operacionais) e Santa Fé Energia S.A. (composta por 1 pequena central hidrelétrica operacional). A transação está sujeita a aprovações regulamentares e condições habituais de fechamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *