O que vem primeiro, os veículos elétricos ou a infraestrutura para eles?

Redação – 03.06.2020 –

Segundo empresa do setor, Brasil acompanha tendência mundial de ativar estrutura de abastecimento aos poucos

O aumento da frota de veículos elétricos é que tem puxado a ativação de mais infraestrutura de abastecimento segundo a NeoCharge. A empresa é focada na área de infraestrutura e aposta no crescimento desse tipo de instalação nos próximos anos no Brasil. Segundo Raphael Pintão, sócio-diretor da companhia, a rede de abastecimento deve envolver rodovias, residências e comércio.

A infraestrutura atual tem algumas iniciativas pelo país, caso dos pontos de recarga instalados na rodovia BR-277, no Paraná, que corta o estado de leste a oeste, e na rodovia Presidente Dutra, que liga as capitais de São Paulo e Rio de Janeiro. A própria legislação obriga a instalação de carregadores em determinados tipos de empreendimentos, que já são aplicadas nas cidades de Brasília e São Paulo. Atualmente, há no Brasil cerca de 500 postos de recargas oficialmente conhecidos, segundo dados da Agência Internacional de Energia (IEA).

“Além disso, vale lembrar que a maior parte dos carregadores ficarão na casa dos proprietários dos veículos”, afirma Pintão. De acordo com ele, a demanda residencial tem aumentado bastante e boa parte dos projetos da NeoCharge são para construtoras e condomínios.

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *