Obra da Ponte da Integração (Itaipu) está quase na metade

Redação – 15.12.2020 –

Até o final de dezembro, a estimativa é que esteja concluída metade da obra da Ponte da Integração, que a margem brasileira de Itaipu está financiando para ligar Foz do Iguaçu, no Brasil, e Presidente Franco, no departamento paraguaio de Alto Paraná. Iniciada em agosto de 2019, a previsão é que a ponte fique pronta em meados de 2022. O investimento total é de aproximadamente R$ 463 milhões, incluindo o acesso perimetral.

A segunda ponte é uma obra do governo federal com gestão do governo do Paraná (por meio do Departamento de Estradas de Rodagem – DER). A execução é do consórcio Ponte Foz (Construbase/ Cidade/ Paulitec).

Do tipo estaiada, a ligação terá 760 metros de comprimento, com vão-livre de 470 metros – o maior da América Latina – e 40 metros de largura. Ela terá como principal papel desafogar o trânsito pesado na região e contribuir para o Oeste do Estado se transformar num hub logístico.

“Além de todo o legado que a obra representará para a fronteira, é importante ressaltar que a construção teve seu pique durante uma época terrível de desemprego vivida por Foz, quando quase 5 mil vagas foram perdidas”, diz o diretor-geral brasileiro de Itaipu, general Joaquim Silva e Luna.

Depois de concluída, a segunda ponte, juntamente com as demais obras financiadas pela margem brasileira de Itaipu, deve mudar o perfil econômico e estratégico da região de fronteira e do Oeste do Paraná.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *