Parque eólico completa dez anos e responde por 2,2% do consumo anual da Paraíba

Redação – 28.03.2019 –

Vale dos Ventos tem 60 turbinas e tem capacidade instalada para 48 MW

O complexo eólico Vale dos Ventos faz parte da lista dos 518 parques do tipo em operação no Brasil, mas com uma diferença: ele acaba de completar sua primeira década. Localizado em Mataraca (PB), o empreendimento está entre os mais antigos em operação no Brasil e tem capacidade instalada de 48 MW (suficiente para abastecer cerca de 92 mil residências ao ano). Com 60 turbinas, ele respondeu por 2,2% de toda a energia consumida na Paraíba em 2017.

Inaugurado em 2007, o Vale dos Ventos foi o primeiro empreendimento da SPIC Brasil,  subsidiária da , uma empresa global de geração de energia e projetos relacionados. No Brasil, a companhia opera ainda a Usina Hidrelétrica São Simão, na divisa entre os estados de Minas Gerais e Goiás, e dois parques eólicos na Paraíba. Mundialmente, a corporação possui ativos totais de US$ 113 bilhões e uma capacidade instalada total de mais de 131 GW.

Manutenção preditiva antecipa paradas não-programadas 

De acordo com a operação brasileira, o Vale dos Ventos tem alta disponibilidade (ela não informa quanto) em função do “acompanhamento de manutenção e performance dos equipamentos”. As manutenções preventivas, segundo a companhia, estão alinhadas com a realidade de cada equipamento e permitem a redução das interrupções por manutenção corretiva.

“Ao longo desses anos, tivemos muitos aprendizados, como desafios com o cabeamento subterrâneo em média tensão, o próprio desenvolvimento dos planos de manutenções e tudo isso sempre com a preocupação voltada para as pessoas e o ambiente no entorno dos parques eólicos, pois a área possui um meio ambiente altamente preservado”, comemora Leandro Alves, diretor de Operações de Eólicas da SPIC Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *