Usina de R$ 200 mi da Copel entra em funcionamento em 2021

Redação – 29.05.2020 –

Pequena Central Hidrelétrica (PCH) de Bela Vista terá capacidade para abastecer 100 mil pessoas

Ponte faz parte das obras da PCH Bela Vista, orçada em R$ 200 milhões. Crédito: Copel. 

A Copel confirmou que a PCH Bela Vista, no Paraná, entra em operação no ano que vem. A usina de R$ 200 milhões vai gerar 29 MW de capacidade, suficiente para abastecer 100 mil pessoas. A fase atual é de montagem de armação e lançamento de concreto nas estruturas permanentes da central, como o vertedouro e casa de força. De acordo com a Copel, as equipes também trabalham na montagem dos condutos forçados (que levarão a água até as turbinas).

Outra atividade em paralelo é a construção das adufas para desvio temporário do rio Chopim. As comportas que vão regular a passagem de água também estão sendo montadas, com previsão do desvio do rio ainda em junho. A alteração no curso do rio é necessária para que possa ser finalizada a barragem.

A concessionária paranaense também constrói, em paralelo, uma ponte que fará a ligação rodoviária entre os municípios de Verê e São João, no sudoeste do estado, atendendo a um compromisso firmado com a comunidade local na durante as audiências públicas para construção da PCH Bela Vista.

A ponte sobre o rio Chopim terá extensão de 200 metros, feita em concreto armado convencional e pré-moldado. Ela será erguida no eixo onde atualmente é feita a travessia por balsa. Nesta fase inicial, as equipes trabalham na implantação do canteiro de obras, movimentação de terra, cercamento da área e lançamento de material para a execução das fundações.

Com orientação da Secretaria Municipal de Saúde, os trabalhadores no local estão seguindo uma série de procedimentos para evitar transmissão do coronavírus. Todos estão usando máscaras, passando por aferição de temperatura corporal e pressão e foram criadas novas escalas para uso do refeitório e o espaço foi adaptado para que sejam respeitadas as regras de distanciamento determinadas pela saúde pública. Profissionais da Copel também estão no local, seguindo com as atividades de fiscalização e Engenharia do Proprietário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *