Tecnologia de imagens termais monitora Covid-19 no metrô de Wuhan

Redação – 01.04.2020

Operador controla sistema de alerta de febre no metrô de Wuhan, na China

Sistema de triagem identifica febre em estações de metrô, trens e aeroportos e ajuda no combate à pandemia

A fabricante chinesa Guide Infrared é dona da tecnologia que ajuda a prevenir o ressurgimento do coronavírus em Wuhan, um sistema de imagens termais que pode ajudar a retomada dos transportes públicos. O metrô da cidade que já foi o epicentro da pandemia adota a triagem de febre da Guided Infrared ao lado de outras iniciativas como a desinfecção diária e registro de nome real para condição rastreável de saúde. As medidas devem ajudar no controle do fluxo maciço de pessoas que deve acontecer com a normalização da mobilidade urbana.

Em contraste com as ferramentas tradicionais, como pistolas de temperatura, os sistemas automáticos de triagem de febre Guide Infrared medem a temperatura de passageiros a vários metros de distância, evitando o contato próximo requerido por pistolas de temperatura e reduzindo o risco de infecção. Alimentado pela tecnologia de detecção facial habilitada por IA, o sistema pode focalizar automaticamente no rosto de um passageiro e soar um alarme quando uma pessoa com febre for identificada, dando aos inspetores a ferramenta ideal para lidar com cenários densamente populados e de rápida movimentação.

“Por 20 anos, a Guide Infrared tem preparado um banco de dados com base em amostras de triagem em massa em vários cenários da vida real. Para entregar uma detecção precisa de temperatura, a empresa tem conduzido uma otimização constante de algoritmos em conjunto com atualizações de software e hardware”, declarou Wang Peng, diretor de tecnologia da Guide Infrared.

Além das centrais de transporte, o sistema é voltado para outros cenários onde se espera um grande volume de fluxo populacional após a retomada das operações. Muitos complexos comerciais e escolas têm visto a instalação do sistema prevenir uma segunda onda de infecção.

Desde o SARS em 2003, a gripe H1N1 em 2009 e a epidemia do Ebola em 2014, até o surto Covid-19 em 2020, a Guide Infrared tem um histórico comprovado de apoiar a crise global de saúde pública, atuando ao lado do mundo na prevenção de doenças.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *